Sexta-feira , 06 de Julho DE 2012

Aniversário de 2 anos

 

Antes demais escolha bem complicada para que imagem usar para abrir o post, andei à procura de imagens de feliz aniversário de vários géneros de animes/mangas/séries, a imagem para abertura quase foi do manga Azumanga Daioh, mas no final acabei encontrando essa, um dos assuntos do post será sobre protagonistas e o que melhor do que começar o post com o melhor protagonista de todos os mangas que li.

 

Há 2 anos atrás, sem nada para fazer criei o blog, numa altura em tinha acabado a escola e tinha percebido que não entraria na Universidade logo em Setembro, tinha um ano de espera sem saber o que fazer da vida, resumi muito tempo livre. De lá para cá já trabalhei, já entrei na Universidade e o blog sofreu várias mudanças, mas sempre mantive o blog e espero que se consiga continuar durar mais alguns anos.

 

Apesar do blog ter sofrido várias mudanças, uma coisa que sempre se manteve foi aquele ridículo layout, e hoje finalmente decidi mudar, mesmo que não tenha sido uma grande mudança, apenas usei um dos que já estava feito por definição do sapo blogs, já é uma mudança e acho que até ficou bem, pode ser que daqui a 2 anos mude novamente para algo melhor ou mais cedo quem sabe.

 

Nestes 2 anos já fiz praticamente 800 posts, o que surpreendentemente dá mais que 1 por dia, apesar da maioria ter sido no inicio do blog e serem posts rápidos tirados de outros sites, apenas com a minha opinião. Já vão 1446 comentários e mais de 92 mil visitas, que sempre ajudam a manter o meu interesse em continuar com o blog, e que agradeço bastante, a quem comenta ou mesmo a quem acompanha o blog e não comenta.

 

É pena não ter nenhum combo de capítulos para lançar, ultimamente não tenho estado muito motivado para editar e nesse aspecto até que foi bom a Dragon Scanlator ter pegado o projecto Haikyuu, porque dificilmente já teria chegado ao capítulo 5, de qualquer maneira até ao final do mês deve sair 3 capítulos de Shingeki no Kyojin e vou tentar trazer Ahiru no Sora, mas como sempre não prometo nada, já agora New Prince of Tennis estado atrasado porque ainda não saíram as traduções para inglês, então não dá para traduzir para português.

 

Já que estou a falar dos projectos, não vou fazer uma lista com todos os capítulos que já traduzi e editei, mas olhando no geral juntando as traduções e edições, já deve ter passado de 150 capítulos, a maioria de New Prince of Tennis, mas também alguns de Ahiru no Sora, Shingeki no Kyojin, Gin no Saji, Slam Dunk, Haikyuu, Oumagadoki Zoo e até mesmo traduzi um capítulo de Metallica Metalluca, além de alguns que não chegaram a ser lançados.

 

Quando comecei o blog disse que iria falar sobre vários assuntos, no final acabei caindo mais para animes e mangas e actualmente praticamente tudo é sobre manga, então este post vou focar um pouco em todos os principais assuntos que tinha prometido tocar e que ficaram esquecidos, começando pelo wrestling, o que menos abordei no blog.

 

Wrestling:

 

Terminando a Wrestlemania meio que a magia do wrestling se extingue, mesmo que na maioria das vezes a qualidade das histórias de Verão sejam superiores à Road to Wrestlemania, mas Wrestlemania é igual SuperBowl, Jogos Olímpicos, Campeonato Mundial ou qualquer outro grande evento desportivo. De qualquer maneira a WWE está a chegar a um marco histórico, a Raw está a chegar aos 1000 episódios, um número histórico que nenhum programa americano conseguiu e que acho que a nível global só Sazae-san tem mais episódios.

 

No dia 23 de Julho de 2012 a Raw comemora o episódio 1000 e espera-se muitas lendas do passado nesse episódio, num programa de 3 horas marcante, espero ver também Undertaker a dar as caras no episódio, já que afinal ele é o único wrestler em actividade que participou do episódio nº1, uma lenda viva que mesmo com 47 anos ainda faz o melhor combate do ano, actualmente em 20-0 na Wrestlemania, num nº que ainda deve de aumentar. Pensar em alguém que já deu mais de 1000 semanas da sua vida à WWE é algo extraordinário.

 

PS: 1000 episódios é algo extraordinário e isso ainda consegue fazer dos mais de 1700 capítulos de Kochikame algo maior ainda, são géneros diferentes, mas não deixa de passar o facto de que 1000 para Kochikame não é nada, o autor já pensa com 2000.

 

Futebol:

 

Outro assunto que nunca falei muito no blog foi futebol, até era um dos tópicos que mais fiz posts no inicio do blog, mas me apercebi que não valia muito a pena continuar, afinal quem quer saber de noticias de futebol sabe bem onde procurar. De qualquer maneira no último Domingo acabou o Campeonato Europeu de Futebol e a única coisa que falei no blog foi sobre Portugal ter passado da fase de grupos.

 

Comentando um pouco, com a má fase de Portugal antes do começo do Europeu duvidei bastante que passasse o grupo, principalmente tendo Alemanha e Holanda no grupo, duas das 3 principais candidatas ao título, a par da Espanha. Mas a verdade é que Portugal jogou muito bem e a Holanda também ajudou fazendo o seu provável pior europeu de sempre, Portugal acabou chegando às meias-finais se mostrando como uma das melhores selecções do Europeu, contrariando tudo e todos estava aí uma forte candidata ao título.

 

Mas acabamos por perder para a Espanha, num jogo bem equilibrado e que se tivesse de haver um vencedor justo teria de ser Portugal, mas os penaltys sempre foram tudo menos justos e acabaram roubando novamente o sonho de Portugal e dando a final a Espanha. Portugal não merecia ter perdido, a Espanha não merecia ter ganho, mas o contrário também poderia ser dito, seja como for, uma coisa Portugal pode-se orgulhar de ter enfrentado de igual para igual a selecção que ganhou um mundial e dois europeus seguidos, além disso acho que toda a gente que viu o europeu concorda que esse jogo deveria ter sido a final.

 

Principalmente tendo em conta que a Alemanha não chegou à final, sendo surpreendentemente eliminada pela Itália, a final ficou bem fraca, num jogo entre Espanha e Itália que só viu uma baliza como alvo, numa goleada da Espanha, numa Itália que quis fazer o que Portugal fez no jogo anterior, mas nem chegou perto de o conseguir. Resumindo o Europeu, Portugal foi a maior surpresa e pode muito bem ser um forte candidato a levantar o troféu de Campeão do Mundo no Brasil, a Alemanha mesmo sendo uma selecção extraordinária volta a falhar no momento decisivo e uma Espanha que joga um futebol praticamente perfeito e não me surpreenderia se voltasse a reerguer o troféu daqui a 2 anos.

 

Livros:

 

Sobre livros, sem muito a dizer, apenas o assunto de sempre Game of Thrones e vou ver se nestas férias compro o último livro da quadrologia do Eragon, já fiz o download do livro, mas livros dão mais jeito ler na mão. Voltando a Game of Thrones, depois de ler a Dança dos Dragões estou na mesma situação de milhares de outros leitores, a espera interminável pelo novo livro, só esperando que este não demore tanto quando os 2 anteriores. Essa espera entre livros levou alguns fãs a fazerem essa incrível música que representa na perfeição a tortura que é esperar pela nova dose de Game of Thrones.

 

 

“The Winter is Comming”, uma frase que os leitores de Game of Thrones ouvem há uns 17 anos e que espero que não seja preciso chegar aos 20 para poder finalmente ver chegar o Inverno a Westeros. Mas seja como for, leve o tempo que levar, quando o Martin decidir lançar o sexto livro vai ser épico.

 

Antes de passar aos filmes, para quem ainda não conhece Game of Thrones vou deixar aqui a frase que, na minha opinião, melhor resume a história: “No jogo dos tronos ou ganhas ou morres, se tiveres sorte”.

 

Filmes:

 

Nos últimos meses não vi praticamente nenhum filme, antigamente devorava 2 ou 3 filmes por dia nas férias, actualmente meio que me afastei desse vício, preferindo séries ou mangas, ou seja actualmente prefiro uma história mais longa do que apenas uma de 2 horas. Recentemente só vi American Pie Reunion, o filme esteve longe de ser o melhor da série, mas mesmo assim bateu a nostalgia revendo os personagens originais de American Pie, recomendo para quem cresceu assistindo American Pie.

 

Vi também 21Jump Street e o segundo filme de Sherlock Holmes, nenhum dos dois filmes é nada de genial, mas são excelentes para passar o tempo, um de comédia e o outro é o Sherlock Holmes. Ainda à espera que saía Vingadores com boa qualidade e à espera de Dezembro e do Hobbit, que se estiver ao nível da trilogia do Senhor dos Anéis vai ser o filme do ano.

 

Provavelmente estou-me a esquecer de algum filme interessante que quero ver, mas o grande problema dos filmes é que saem um monte de trailers que deixam os fãs interessados em assistir o filme, mas por levar tanto tempo a sair o filme meio que se esquece que se queria assistir, além disso muitas das vezes não saem logo na internet e quando saem já não tem a mesma piada ver, por isso muitas vezes acabo não vendo aquele filme que tinha ficado super empolgado para ver 6 meses antes.

 

Séries:

 

E antes de passar aos animes e mangas falta só as séries, o tema do qual tenho mais que falar, começo logo por Game of Thrones e a sua segunda temporada, que apesar do óptimo final, teve um começo bem fraquinho, houve vários factores que levaram a segunda temporada de Game of Thrones ser mais fraca que a primeira, desde de cenas de sexo desnecessárias a muitos personagens apresentados em pouco tempo. Mesmo com uma temporada mais fraca do que se esperaria isso não tira qualquer qualidade da série.

 

O segundo livro de Game of Thrones é claramente do Tyrion, mas a segunda temporada esteve mais para temporada do Theon ou da Arya. Seja como for, toda a baixa qualidade da temporada fica de lado com o nascimento da sombra, a cena mais bizarra já feita para a televisão, e pelos incríveis episódios 9 e 10. O nascimento do filho de Melissandre era uma das coisas que mais queria ver na televisão, porque ao ler o livro não consegui imaginar nada relacionada a essa cena e na televisão não podia ser melhor, ao mesmo tempo bizarro e brilhante, sem dúvida uma das melhores cenas já elaboradas para a televisão.

 

O episódio 9 é simplesmente perfeito, ou não fosse ele escrito pelo autor dos livros, ou seja ele sabia na perfeição o que tinha de ser focado e o que não precisava de tanto foco, a batalha foi provavelmente a melhor coisa que já passou na televisão e dá uma completa lição de como com baixo orçamento fazer algo gigantesco, enquanto outros shows com milhões e mais milhões apresentam uma qualidade duvidosa, Game of Thrones apresenta uma batalha excelente que dá inveja a muito filme de alto orçamento.

 

 

Apesar de nesse episódio o Tyrion ser o maior destaque, já que está no pelotão, a Cersei não lhe ficou muito atrás, seja nas conversas com a Sansa ou no final no trono com o filho, Lena Hadley mostrou porque é uma óptima actriz e que mesmo não sendo a Cersei dos livros, não deixa de ser uma excelente Cersei. E já que estou a falar dos Lannisters ao ver a segunda temporada tive uma certeza, apesar de eles serem tecnicamente os vilões também são a família com mais destaque na história e isso ainda ficará mais claro na próxima temporada, quando o Jaime ganhar bastante destaque.

 

O episódio 10 fecha as histórias para a terceira temporada, e com uma conclusão épica, os zumbis invadiram de vez Westeros, fiquei bem surpreso com a maneira como eles foram inseridos na série, já que no livro é de forma diferente, mesmo assim excelente e dificilmente poderia ficar melhor a transformação dos White Walkers. Agora resta esperar pela terceira temporada, que deverá ser desenvolvida de uma melhor forma já que vão dividir o terceiro livro em duas temporadas, daqui a 1 ano, quem não leu os livros terá uma das maiores surpresas, o Casamento Vermelho.

 

Ainda sobre Thrones, li por aí que a actriz, Charlize Theron, estaria interessada em ter um papel em Game of Thrones, pena que a maioria dos papéis importantes já foram entregues, porque seria excelente vê-la em Game of Thrones, beleza e talento numa mulher só, algo raro de encontrar. Será que ela ainda participará da série, bem que o Martin podia criar uma personagem épica no sexto livro que encaixa-se na actriz.

 

Além de Game of Thrones gostaria de comentar sobre outras séries, mas isso faria de certeza que este post fosse metade sobre séries, então logo saí noutro post. De qualquer maneira segue uma lista de séries que recomendo, Friday Nights Light, Firefly, Battlestar Galactica, Breaking Bad, Arrested Development, Luck, Girls, Veep, The Newsroom, Homeland e vou ficar por aí que já são muitas séries de qualidade.

 

Animes:

 

Não tenho visto muitos animes, na última temporada tinha pego para ver Medaka, Kuroko e Uchuu Kyodai, e da temporada anterior tinha continuado com Area no Kishi, mas por causa do site que faço o download ter tido problemas meio que estou atrasado nesses 4 animes, nesta temporada provavelmente só irei acompanhar Binbougami ga, apenas por curiosidade do manga sair na Square e devo deixar Medaka Box de lado.

 

Além desses animes de temporada, os únicos longos que ainda acompanhava era Hunter x Hunter e One Piece, Hunter x Hunter tenho de fazer maratona para voltar a estar em dia, já One Piece decidi voltar só a ver quando terminar a saga da ilha dos tritões.

 

 

Para finalizar Jojo Bizarre Adventures é um dos melhores mangas já publicados, mas mesmo com toda a sua enorme popularidade nunca teve um anime, acho que o autor nunca aprovou um anime, mas na comemoração dos 25 anos do manga, finalmente foi anunciado o anime de Jojo, agora resta esperar para saber como e o quê será animado, já que Jojo tem mais de 100 volumes.

 

Mangas:

 

Não há muito o que acrescentar ao que comento todas as semanas, apenas duas coisas, primeiro uma pesquisa bem interessante, um apanhado geral sobre manga no Japão, tirando as perguntas e as respostas de sempre, tem factos curiosos e bem diferentes do público deste lado do mundo, pesquisa dividida em duas partes, aqui e aqui.

 

O que mais me interessou foi ver que os japoneses preferem ler mangas em papel que pela internet e que pelo que deu para perceber também a maioria prefere ler os volumes já encadernados do que comprar revista a revista para ler capítulo a capítulo.

 

O outro assunto que me interessou foi os géneros favoritos dos japoneses, ao contrário do público ocidental, os japoneses adoram mangas de desporto, não só adoram como é o género favorito dos homens, outro género que a maioria despreza deste lado do mundo, os gag mangas, são adorados pelos japoneses ficando em terceiro nos homens e nas mulheres. O resto é na sua maioria curiosidades e coisas que já se sabem, como One Piece sendo o manga mais popular.

 

A segunda coisa que queria comentar é sobre uma pesquisa de popularidade que vi recentemente na comunidade orkut, Shonen Jump – Table of Contest, juntando 64 protagonistas da Jump, o Luffy acabou sendo o vencedor, esperava um final menos óbvio, mas enfim. Usando como inspiração essa lista decidi fazer a minha própria lista, obviamente deixei de lado alguns dos 64, tirando os mangas que nunca li e os que pouco apareceram para poder rankealos direito sobraram 48 protagonistas.

 

Mas vou só revelar o meu top48 amanhã, num post separado, pelo mesmo motivo das séries, para isto não ficar maior do que deve.

publicado por Dark-Fenix às 22:25
Domingo , 01 de Abril DE 2012

Wrestlemania XXVIII

 

O grande dia para os fãs de Wrestling está a chegar e melhor ainda que isso, depois de 3 anos de Wrestlemanias que desiludiram de todas as maneiras, excepto Undertaker, esta vem com o título de maior Wrestlemania de sempre, o card pelo menos mostra isso, com 3 combates de sonho e com pelo menos 5/6 combates que tem tudo para serem excelentes, em oito, agora se realmente será, só quando terminar para dizer, porque a WWE tem essa capacidade de desiludir, mesmo quando parece impossível.

 

Antes de passar aos combates em si, o Hall of Fame, a WWE tem o seu próprio Hall da fama, que já conta com vários nomes, lendas do wrestling e até mesmo algumas figuras publicas, como este ano onde o Mike Tyson vai ser inserido no Hall of Fame, os grandes nomes dos últimos anos foram Shawn Michaels, Stone Cold Steve Austin e Ric Flair (que será introduzido novamente, mas agora introduzido como parte de um grupo).

 

 

O grande nome deste ano é o meu wrestler favorito, Edge, que infelizmente teve de terminar mais cedo a sua carreira devido a lesão, no ano passado. E só por isso podem ver como Edge já se pode considerar uma lenda, o mais novo wrestler a ser introduzido ao Hall of Fame e um dos poucos que o fizeram um ano depois de terminarem carreira, um prémio merecido para um dos melhores wrestlers dos últimos tempos e um dos poucos wrestlers que passaram pelo main-event (títulos) e se mantiveram por lá sem se tornar aborrecido.

 

Edge seguiu o exemplo de Undertaker, Christian, Jericho, CM Punk e tantos outros e cortou o cabelo, depois de mais de 10 anos com cabelo grande simplesmente se olhou ao espelho e pensou está na altura de cortar o cabelo.

 

Além do Edge vão ser introduzidos no Hall of Fame, o lendário boxeador Mike Tyson, o Samoano que fez papel de japonês, Yokozuna, que infelizmente já morreu, Mil Mascaras, uma das maiores lendas do wrestling mexicano, Ron Simmons, o primeiro negro a ganhar um título mundial numa das maiores empresas de Wreslting, WCW, e como mencionei acima, Ric Flair vai ser introduzido novamente junto do grupo Four Horseman.

 

 

Agora sobre a Wrestlemania em si, até ao momento foram anunciados 9 combates, com um deles sendo o dark match da Wrestlemania, ou seja não passando na televisão, apenas para entreter quem pagou bilhete para ir a Miami, antes do show começar. Infelizmente esse combate vai ser um combate de tag-team, algo que está em decandencia actualmente na WWE, que pouco ou nada aposta em duplas e como se pode ver pelo card da wrestlemania pouco se importa com isso, poderia ter sido melhor trabalhado e dar uma boa luta na Wrestlemania, mas não vai ficar apenas como Dark-Match, o que me faz lembrar de uma das lutas que mais queria ver na Wrestlemania 25 que acabou indo para Dark match também, John Morrison e The Miz contra Primo e Carlito, sendo essa a minha primeira decepção quando, na altura, comecei a assistir ao show.

 

Divas Tag Team Match
Maria Menounos & Kelly Kelly vs. Beth Phoenix & Eve Torres

 

Quase todas, se não mesmo todas, as Wrestlemanias tem um combate envolvendo celebridades, que normalmente são sempre entre duas possibilidades, uma derrota vergonhosa do Big Show ou um combate tag team entre divas, felizmente o Big Show se salvou desse sofrimento este ano, por pouco já que o primeiro plano era ele enfrentar o basquetebolista, Shaquille O'Neal, por outro lado não se pode dizer o mesmo da divisão das divas, que está quase no mesmo nível da divisão de duplas, já que a campeã mundial, Beath Phoenix nem vai lutar pelo título, igual o ano passado.

 

A celebridade deste ano é uma apresentadora americana, que está actualmente no programa, Dancing with the Stars e que até já chegou a fazer um combate de wrestling antes, mas lesionou-se enquanto se preparava para o concurso e lá ver como isso irá afectar o combate, que no final deverá ser apenas ela aplicando um move qualquer sobre a Beth ou a Eve, provavelmente a Eve para não descredibilizar completamente a campeã.

 

Muito se referem ao combate das divas como a pausa para ir á casa de banho, afinal vão ser 4 horas sem paragem, mas pessoalmente gostei do combate do ano passado envolvendo a Snooki, de Jersey Shore, lá ver como correrá este ano, apesar que não deve passar de uma luta de 10 minutos, contando já com entradas.

 

A vitória é certa, celebridades nunca perdem.

 

Grudge Match

Randy Orton vs. Kane

 

O Ortin disse que o seu combate seria mais interessante que o do Sheamus vs Bryan, o que discordo totalmente, este é um dos combates, que pessoalmente, estou menos interessado, o Orton desde que virou face se tornou mais irritante que o Cena, já que não perde nunca e os seus combates acabam sempre da mesma maneira, já o Kane apesar de ter gostado da sua volta mascarado, desapontou na feud contra John Cena e me desanimou em relação ao personagem.

 

É possível que consigam fazer um bom combate, afinal Orton e Kane sabem lutar, mas dificilmente passará disso, como sempre o Orton deve ganhar depois de aplicar um RKO vindo do nada. Digo mais se o combate não terminar assim, vai ser a maior surpresa que já tive a acompanhar um combate do Orton.

 

12-Man Tag Team Match
Team Teddy (Santino Marella (cap), R-Truth, Kofi Kingston, Zack Ryder, The Great Khali e Booker T) vs.

Team Johnny (David Otunga (cap), Mark Henry, Dolph Ziggler, Jack Swagger, The Miz e Drew McIntyre) 
O general manager da equipa vencedora toma controlo do RAW e Smackdown


Um combate que estava a gostar da sua construção, mas que na raw desta segunda-feira mudou completamente a minha opinião. Tudo começa na Elimination Chamber, quando o Laurinatys se encontra com Otunga, Mark Henry, Alberto del Rio e Christian, mas agora com o time finalizado, apenas estão o Otunga e o Henry.

 

Fora isso a diferença entre os times é enorme, no time Teddy o nome de peso é o Booker T, que nem lutador é actualmente, algo provavelmente feito à presa, para equilibrar nem que seja um pouco os times, enquanto do outro lado, à excepção do Otunga e do Drew todas já foram campeões mundiais e o The Miz ganhou no Main-Event da Wrestlemania do ano passado ao Cena.

 

Já esperei mais do combate, neste momento só espero que o time Jonhy ganhe, mas que a história não fique por aí, sendo levado até perto do Survivor Series, para o tradicional combate de eliminação. Não vejo muita coerência no time Teddy ganhar, apesar de que por terem o Santino é possível que aja surpresa, com o Booker T no combate o mais provável é o Michael Cole também se meter ao barulho.

 

No geral vai ser um combate de comédia e espero que o time Jonhy ganhe, o Teddy Long é muito sem sal como general manager, mas como disse a feud devia continuar, porque não criar uma terceira brand ou algo do género.

 

Falta dizer aqui apenas um pequeno à parte, a Elimination Chamber foi uma desilusão total, em todos os 3 principais combates, sendo o Santino Marella o homem da noite, de longe a única coisa boa que dá para tirar desse PPV e com tanto hype à volta dele, essa pode ser a única maneira do time Teddy ganhar como a mínima coerência.

 

WWE Intercontinental Championship
Cody Rhodes (c) vs. Big Show


Em cima já falei do Big Show, que ao contrário do Undertaker só perde na Wrestlemania, desta vez ele vai enfrentar o Cody Rhodes, que está em clara ascensão na WWE, preparado para atacar os títulos mais importantes.

 

A grande dúvida do combate está se a WWE vai dar um prémio ao Big Show pelo sacrifício de ser sempre o saco de pancada das celebridades na Wrestlemania ou vão continuar com o Cody como Intercontinental Champion para tentar quebrar o recorde de mais tempo com o título, seja qual for a escolha o Cody não sairá mal na fotografia, afinal se perde vai para o main-event, se ganha de certa se tornará o wrestler que manteve mais tempo o título Intercontinental, já que não estou a ver a WWE fazelo ganhar para depois lhe tirar logo o título.

 

Apesar da diferença de alturas este é um combate que espero que seja excelente, independente do resultado, o Cody será sempre o vencedor, porque na WWE, onde cada vez está mais difícil criar uma carreira, ele consegue por dois anos seguidos ter uma luta só sua, algo que muitos wrestler consagrados não se podem orgulhar.

 

Aposto na vitória do Cody, mas tenho a impressão que a WWE vai querer dar uma prenda ao Big Show.

 

World Heavyweight Championship
Daniel Bryan (c) vs. Sheamus

Agora entramos nos combates importantes da Wrestlemania, um combate marcado principalmente pelo facto de que no ano passado esse mesmo combate seria para estar no show, mas acabou sendo o dark match por falta de espaço no card, este ano será o quarto combate mais importante do show, até pode parecer pouco, afinal ainda tem 3 combates pela frente, mas são 3 combates de outro nível.

 

Tenho várias ressalvas sobre o facto do Sheamus ter ganho o Royal Rumble, mas logo falo disso no combate Cm Punk vs Chris Jericho. Sheamus é um nome em alta na WWE, sendo um dos babyfaces de topo neste momento e com a vitória no Royal Rumble acredito que ele seja o vencedor do combate, afinal já são mais de 4 vencedores seguidos do Rumble que perdem na Wrestlemania e o Sheamus precisa da vitória para se tornar de vez um dos top babyfaces da WWE.

 

Pelo contrário o Bryan teve um grande ano e sair vencedor seria uma enorme vitória para um dos melhores wrestlers da indústria, pelo menos no que diz respeito aos aspectos técnicos, mas como disse não dá para a WWE fazer mais um campeão do Rumble fracassar na Wrestlemania, se calhar por isso a vitória não ter saído ao Jericho, além disso um hell sair vencedor na Wrestlemania não é algo muito normal, basicamente o Sheamus tem tudo para sair vencedor.

 

Concluindo sem dúvida será um grande combate, que em qualquer outra Wrestlemania podia competir pelo título de melhor combate da noite, mas que na noite de 1 de Abril vai ser ofuscado pelos 3 combates de sonho que se seguem.


WWE Championship
CM Punk (c) vs. Chris Jericho


Começo já pelo que referi no combate acima, Jericho devia ter ganho o Royal Rumble, tanto é que facilitaria a vida à WWE que não teria de ter feito um angle horrível como foi a “derrota” do Jericho na Elimination Chamber, algo que também ajudaria a Chamber da Smackdown, já que o Shemaus participaria e sairia vencedor, não dando aquele coisa incoerente dos 2 campeões entrarem e saírem campeões, principalmente campeões pesos leves que só o facto de ganhar uma luta numa jaula contra outros 5 lutadores já soa incoerente.

 

Continuando com o Jericho, a sua vitória no Royal Rumble faria que com que ele ganhasse na Wrestlemania deste ano, se tornando o verdadeiro “Best in the World”, a storyline entre os dois continuaria por todo um ano e para a próxima Wrestlemania se enfrentariam novamente, com o Punk mais consolidado no main-event e porque não fazer disso um combate à melhor de 3 numa wrestlemania futura. Basicamente o que quero dizer é que foi tudo feito meio à presa e o combate seria ainda melhor se tivesse havido uma rivalidade um pouco mais longa.

 

Tudo isso não aconteceu e a luta irá começar com o Punk em alta na WWE contra o lendário Jericho voltando à WWE porque não gostou que outro, além dele, usasse a frase, Best in the World, afinal essa sempre foi a maneira de Jericho de ser. Pessoalmente prefiro o Jericho ao Punk, mas desta luta, a não ser que queiram fazer uma feud longa, o Punk tem de sair vencedor e se tornar de vez a cara da empresa, afinal John Cena não vai lutar para sempre e algum dia vai ter de passar a tocha e neste momento Punk tem tudo para se consolidar no main-event, como o Cena fez em 2005.

 

Para concluir, este certamente será um grande combate, junto do Bryan, eles são os melhores wrestlers técnicos da WWE e com tempo farão um combate que poderá roubar o show. Vencedor Punk, não faz sentido o Jericho ganhar.

 

Hell in a Cell Match
Triple H vs. The Undertaker

Shawn Michaels é o arbitro convidado

 

Sinceramente quando percebi que iria ser novamente Undertaker vs Thiple H não gostei nada, obviamente que iria sair um excelente combate, mas já será a 3ª vez na wrestlemania, mas quando o Triple H fala que vai ser dentro de uma Hell in a Cell arrepiei, mudei completamente de opinião, o que seria um combate de certeza chato e repetitivo passou a ser um dos combates que disputará o título de melhor de sempre numa Wrestlemania.

 

Sem dúvida é o combate que mais agurdado, Triple H e Undertaker são os reis da cela, mas nunca se enfrentaram dentro dela, pelo menos num 1 contra 1, então de certa forma é um combate unico e que de certeza nunca mais acontecerá, como a frase que indentifica o combate bem demonstra será o fim de uma era, Triple H ou Undertaker, um deles vai cair e outro ficará para sempre lembrado como o último nome de uma era.

 

Esse vencedor deverá passar por Undertaker, não estou a ver o Triple H a ganhar o Undertaker na Wrestlemania, afinal trata-se da strike, que já vai em 19-0, além do facto de que a despedida do Undertaker merecia ser main-event do maior palco de sempre, igual aconteceu com Shawn Michaels na Wrestlemania 26, o que deixa a dúvida até quando Undertaker será capaz de lutar uma vez por ano?

 

Mas a grande dúvida é quem irá acabar com a strike do Undertaker? Teria de ser alguém jovem e com grande futuro, mas que também não largasse tudo, igual o Brock Lesnar fez, o que faz com que não aja nenhum neste momento, mas tipo daqui a dois anos já poderia haver e é isso que sinceramente estou a apostar, um 21-1 na Wrestlemania 30, obviamente que se o wrestler certo não parecer, Undertaker também merece terminar com a strike sem nunca ter perdido, mas acredito que a WWE deva trabalhar em algum wrestler para o fazer, afinal nenhum push seria maior do que vencer o Undertaker na Wrestlemania.

 

Quem o vencer irá carregar pelo menos 20 anos de legado nas costas, algo que poucos conseguiriam suportar, por isso também não se pode entragar esse título a qualquer um. Na minha opinião os dois que estiveram mais perto disso foram o Orton e o Edge, mas o Orton virou pior que o Cena e isso acabaria por destruir completamente a imagem do Undertaker se ele ganhasse, já o Edge foi pena ter acabado carreira cedo, porque de longe era o wrestler mais coerente para ganhar ao Undertaker, mesmo já não sendo propriamente novo.

 

De qualquer forma isso só deverá ser tema de conversa para o ano, já que neste não acredito que aja dúvidas que o Undertaker ganhe, até porque se isso acontecesse era de vez que o Triple H ficaria para sempre lembrado como a pessoa mais egoísta que já passou pela WWE, vale lembrar que o dono da WWE é sogro dele e neste momento ele é quase quem controla a WWE, ou seja Triple H tem um dedo na escolha do vencedor de todos os combates.

 

Quase de certeza que o combate do Undertaker vai ser o melhor da noite, não a nível técnico, nem a nível de público, mas sim no geral, Undertaker e Wrestlemania andam de mão dada e quando se junta a Hell in a Cell não tem como dar errado.

 

Por fim, quero ver o Undertaker careca e a sua entrada na Wrestlemania, que é sempre um show à parte.

 

Once In A Lifetime Match
The Rock vs John Cena

 

The Rock vs John Cena o combate mais agurdado do ano, já marcado desde o dia seguinte à Wrestlemania 27, de um lado o astro de Hollywood do outro a cara da WWE que teve a dar tudo de si nos últimos 7 anos, mesmo sendo tão odiado quanto adorado. Eu pessoalmente odeio-o, ele tem de estar sempre com os títulos principais, tem sempre de ganhar e nunca perde um combate justo, mas por outro lado respeito-o, afinal ele trabalhou duro pela WWE e apesar de estar longe de ser um bom wrestler, ele ama o Wrestling.

 

Já o The Rock como o Cena bem disse se tornou no Dwayne Johnson, o astro de Hollywood, depois de tantos anos a fazer filmes, voltou à WWE e não parece ser o mesmo, perdeu as qualidades que tinha para actuar em publico, isso é facilmente visto quando as suas melhores promos são as que foram gravadas, no confronto directo entre ele e Cena, o The Rock só ganhou um e foi porque também seria difícil perder no concerto, afinal ele era o main-event da Raw, enquanto o Cena abriu o show, mas em confronto face to face, ele perdeu todas e o Cena apesar de bom no microfone não é nenhum Punk, Jericho ou até mesmo The Rock nos seus bons tempos.

 

Fora isso, The Rock meio que parece que veio atrás do prestigio de outros tempos, algo que o perdeu a fazer filmes ridículos para a Disney, além das várias criticas dos supertars da WWE, no final tudo pode ser apenas uma maneira que a WWE arranjou para no combate o publico estar 50-50, algo que não conseguiria se o The Rock tivesse voltado com tudo, mas parece-me que o The Rock já não é o mesmo.

 

Dito isto, pela primeira vez na vida estou do lado do Cena, que deve sair vencedor, afinal esse combate tem o mesmo propósito do Hulk Hogan vs The Rock na Wrestlemania 18, do qual o The Rock saiu vencedor e se tornou o maior nome da WWE, a tala mudança de tocha. Só espero que a WWE não cai no erro de colocar The Rock como o vencedor, porque daqui a umas semanas ele vai voltar a participar em filmes, enquanto o Cena vai continuar a dar tudo de si na WWE.

 

Por fim, por este combate dá para ver como a música se perdeu na mudança de século, antigamente grandes combates e grandes momentos eram acompanhados de grandes músicas de rock ou outros tipos com cantores consagrados, actualmente tudo é Justin Biber e hip hop. Pode ser apenas uma particularidade, mas mostra bem o motivo porque estou mais à espera dos combates do Undertaker vs Triple H e Cm Punk vs Jericho do que propriamente do The Rock vs Cena.

 

Conclusão:

A Wrestlemania 28 tem tudo para se tornar a maior de sempre, tudo depende de como correrem os 3 combates que o publico quer ver, principalmente o main-event, que dos 3 combates é o que tem a qualidade mais duvidosa.

 

PS: Infelizmente não deu para fazer o post de Game of Thrones antes de estrear a 2º temporada, ou seja hoje à noite.

publicado por Dark-Fenix às 15:02
Segunda-feira , 18 de Julho DE 2011

CM Punk

Para quem não conhece esse homem aí na foto, é CM Punk, um wrestler da WWE que ontem simplesmente me fez ficar colado ao computador até às 4 da manhã, mesmo tendo de acordar logo às 7 e que me faria ficar hoje novamente acordado, mas dois dias seguidos já é demais. Podia escrever e escrever, mas também não tenho muito tempo para isso, então entrem neste site e vejam o penúltimo video.

 

Mesmo que não gostem de Wrestling, vejam só as reações do publico aos dois wrestlers, John Cena e CM Punk, para quem não percebe nada disso, digo já John Cena é como se fosse o One Piece da WWE, ou seja o baby face, o protagonista, o mais popular, por contrário CM Punk é o hell, o vilão, o wrestler que quer ganhar o título e ir embora da WWE, agora reparem nas reações do publico, tem algo errado não?

 

Sim isso mesmo, CM Punk falou mal da empresa, ganhou o título e vai leva-lo para fora da empresa, mesmo assim todo esse hype à volta de CM Punk, o porquê, é porque o publico deste PPV é o publico que vi o wrestling de 10 anos atrás, na altura mais adulta do wrestling, agora está igual à Shounen Jump, com todas essas cenas de censura e de moralidade.

 

Por outro lado, John Cena, o ídolo dos Litle Jimmys, saí derrotado, provavelmente despedido e pela primeira vez sem o apoio do publico, afinal como disse o publico deste PPV é o publico que odeia o Cena, o publico que adora um excelente combate e um grande wrestler.

 

Resumindo, CM Punk is God, este é o melhor momento da WWE nos últimos anos e pode-se estar a ver a grande mudança porque todos querem, de volta da era do Wrestling e não dos superstars e do entretenimento. CM Punk Best in the World, a maneira como ele se refere a si próprio, que também era o slogan da t-shirt que leva vestida, t-shirt essa que esgotou no final do combate.

 

Agora tudo em aberto para esta raw, bem que gostava de ver, mas ficar acordado até às 4 duas noites seguidas é dose. Só espero que depois daquele mangnifico PPV, a WWE não estrague tudo. Com isto acabei por falar mais do que queria e a maioria nem vai ler e os que lerem nem vão perceber, mas que seja, CM Punk Best in the World.

 

Já me esquecia CM Punk é tão bom, que conseguiu fazer com que o John Cena tivesse uma boa luta. Com tanta emoção à volta do CM punk já me esquecia, Christian e Daniel Bryan, mais dois excelente wrestlers que brilharam neste PPV, o que mais me faz ter a ideia de que a WWE vai mudar completamente. Outro factor que poderia exemplificar isso, é o facto de Undertaker ter rapado o cabelo. E claro tudo isto é planeado, mesmo assim não deixa de ser emocionante, pelo menos actualmente, porque há anos que não acontecia grande coisa.

 

CM Punk neste momento está com um ego tão grande, que está no mesmo nível de The Rock, John Cena, Hulk Hogan, Stone Cold Steve Austin, Shawn Michaels e The Undertaker, tudo "monstros", no bom sentido, da WWE, claro que uns por saberem lutar outros nem tanto.

 

PS: Por incrível que pareça, as últimas semanas da WWE, conseguiram superar o meu vicio por Game of Thrones, quem não sabe é um livro, também já foi adaptado em série, e é resumindo, a melhor história de sempre, mas isso é assunto para um outro post. Logo respondo aos comentários amanhã e a análise semanal espero que saía amanhã, mas não garanto nada, depende do tempo disponivel.

publicado por Dark-Fenix às 23:47
Terça-feira , 28 de Junho DE 2011

3 Coisas Sem Nada em Comun

 

O que é que Japão, Angélico Vieira e CM Punk têm a ver? Separados nada, mas já irão ver a ligação, pelo menos entre os dois primeiros.

 

Hoje de manhã, ligo o computador e entro no blog para ver se alguém comentou, igual faço todos as vezes que ligo o computador. E foi aí que me deparei com um comentário que não gostei, não por ele me criticar, mas sim pela maneira que falou. Apaguei de imediato o comentário e nem iria dizer nada, mas decidi fazer este post, para explicar, para o caso de alguém ter visto o comentário.

 

Resumindo o comentário foi no post do “Tsunami n Japão”, um post que fiz na altura do tsunami, com o principal propósito de explicar as consequências do tsunami para a industria de Anime e Manga. Sobre o comentário era a criticar-me por causa de ter dado atenção ao desastre no Japão, enquanto os desastre no Haiti, Chile e tantos outros me passavam ao lado e o foco do comentário foi sobre a imagem que postei, essa que podem ver abaixo:

 

 

A imagem é um cartoon criador por um jornal da Malásia sobre o Ultraman, um super herói japonês a fugir do Tsunami, a critica dele era sobre por causa de ser um desastre Natural no “Meu querido Japão”, já era um choque e já estava a fazer aí um drama e não achava piada ao cartoon.

 

Agora a minha resposta, houve dois motivos para fazer esse, primeiro por o meu blog ser sobre animes e mangas, na sua maioria, então ficava meio estranho isso passar ao lado e o segundo e o verdadeiramente importante, as consequências que o desastre teve para o mercado anime/manga.

 

Agora sobre o cartoon, sim tem a sua piada, mas hoje em dia, não uma semana depois do desastre, há que ter respeito pelos outros e o criador desse cartoon não a teve. E não é apenas por ser algo a fazer piada com os Japoneses que eu disse que era algo ridículo e que não gostei, eu diria o mesmo se fosse sobre qualquer outro país, ou qualquer outra pessoa. E isso me leva ao segundo assunto do post, Angélico Vieira.

 

 

Angélico Vieira era um cantor e actor português de grande sucesso, que teve um acidente no Sábado, se não estou em erro, e que acabou por falecer hoje, apesar de isso já estar mais que certo, por causa do seu traumatismo craniano. A verdade é que nunca fui fã dele, nem dos D’zrt, banda em que participava e que o levou ao sucesso e muito menos como actor, mas não é por isso que estou a dizer como já ouvi várias pessoas, a falar mal ou a fazer paidas acerca da morte dele, apesar de não ser do “Meu querido Japão”, nem sequer gostar dele, não é por isso que vou fazer piada com a morte dele.

 

E é isso que queria chegar, não me interessa qual o assunto, goste ou não, tenho respeito seja por desastres naturais ou por mortes de pessoas e foi isso que critiquei no cartoon. Já agora isso me levaria a um factor que me irrita bastante que é todos os dias morrem pessoas nas estradas e ninguém se importa com isso (eu inclusive, desde que não seja comigo ou com a minha família estou-me nas tintas e penso para mim mesmo “Mais Um”), mas só quando morre uma pessoa famosa é que fazem esse drama todo e sinceramente enerva todo esse drama à volta dele, mas mais uma vez digo isso não é motivo para fazer piadas estúpidas sobre esses assuntos.

 

 

Agora não vou falar do “Meu Querido Japão”, mas do “Meu querido Wrestling”, esta parte tem pouco a ver com os dois temas abordados anteriormente, então se não são fãs de wrestling não percam o vosso tempo. Aqui o tema principal são as modinhas da WWE, que se centra por completo em apenas um Wrestler, John Cena, como Wrestler não presta, mas que teve sorte de ser carismático ao ponto de se tornar a cara da WWE.

 

John Cena como o wrestler mais popular tem de ter sempre o título, tem de sempre lutar no main-event, o combate mais importante do show, e tem sempre de ganhar os seus combates, ou seja ele é quase como um herói de banda desenhada Norte-americana ou então uma espécie de protagonista de shounen cliché, que leva porrada e continua a levar, até que se levanta e ganha o combate com um único ataque.

 

Resumindo John Cena seria um Dragon Ball mau, ou seja algo com tanta importância quanto Dragon Ball, mas que não consegue agradar a todos, sim porque queiram ou não, Dragon Ball é um mau manga, mas é adorado por quase todos. Já agora o Dragon Ball do wrestling seria o Hulk Hugan e o One Piece do wrestling seria o The Rock.

 

E então é no meio disso que o Full Metal Alchemist do Wrestling, CM Punk aparece, um wrestler perfeito que tenta fazer história entre os wrestler menos dotados, mas mais populares e para isso faz uma promo simplesmente sensacional, que podem ver abaixo:

 

 

CM Punk não só falou mal da WWE, como disse toda a verdade que os verdadeiros fãs de Wrestling e não de entretenimento queriam dizer, que CM Punk é melhor que Cena, que Vince Mahcman poderia ser bilionário se soubesse gerir melhor no negócio e que deveria estar morto, mas depois em tom irónico diz para quê? Se quem irá tomar conta da empresa serão os estúpidos filhos e o resto da família, claramente a criticar Triple H, fala sobre Paul Heyman e Brock Lesnar, que vai ganhar o título da WWE e vai sair da empresa com título para depois ir o defender na ROH ou na New Japan, sim para quem não sabe o Japão também reina no Wrestling sendo o país com mais lutas 5 estrelas.

 

Para o fim também iria falar sobre o bulling, o tema mais na moda hoje em dia mas acabaram por lhe cortar o som do microfone, terminando assim a Raw. Vale lembrar que é apenas uma storyline, ou seja tudo ensaiado, mas que mesmo assim apanhou colegas de surpresa e que promete bastante nas próximas semanas.

 

Muitos consideram esta uma das melhores promos de sempre ou pelo menos a melhor promo dos últimos tempos. Sinceramente concordo porque há muito que não estava tão entusiasmado com Wrestling como agora.

 

 

PS: O post sobre a análise aos mangas só amanhã, já está feita, mas não tenho tempo para revisar tudo e depois ainda arrumar tudo e colocando as imagens.

publicado por Dark-Fenix às 23:00
Terça-feira , 12 de Abril DE 2011

Wrestlemania

 

Este post já está atrasado em uma semana, por vários motivos, os dois principais, preguiça e o principal o PPV ter desiludido. Mas aqui o texto e com um notícia que fiquei a saber hoje no final.

 

 

Alberto del Rio vs Edge:

Esta luta era para ser o main event, ou seja a luta mais importante da noite, no final foi apenas uma luta de abertura e fracassou a vários níveis, nessa altura não sabia bem porque, mas depois da raw de ontem à noite já sei o porquê do fracasso desta luta e deste ppv. No geral não foi uma luta má, mas foi muito curta e o resultado foi a vitória de Edge, está certo que ele nunca tinha ganho um título na wrestlemania, na sua maioria por ser heel, ou seja o vilão, e hell não ganha na Wrestlemania, mas mesmo assim foi injusto para Alberto del Rio e ainda mais para o seu personagem que era para ser campeão nesta wrestlemania, já que era o seu destino.

 

 

Rey Misterio vs Cody Rhodes:

O segundo melhor combate da noite, Misterio sempre dá espectáculo, mas o destaque deste combate foi Cody Rhodes, sou sincero não gosto do gajo e ainda dá mais raiva aquela mascara que usar, mas que fez um brilhante combate isso fez. Este sim merecia ter sido o combate de abertura, um combate individual e de boa categoria.

 

 

The Core vs Big Show, Kane, Santino e Kofi Kingston:

O pior combate da noite, sem dúvida alguma, durou somente 90 segundos e não serviu para nada. Vejam só como isso é mau ao ponto de que na Smack Down seguinte esses mesmos wrestlers lutaram e a luta durou muito mais que 5 minutos. Na imagem acima aparece Vladimir Kozlov em vez de Kofi kingston, Kozlov supostamente foi atacado na noite anterior.

 

 

Randy Orton vs CM Punk:

Esta luta foi a terceira melhor da noite, e se não fosse o resultado diria que tinha sido melhor que Rey Misterio vs Cody Rhodes. Foi um óptimo combate com dois grandes wrestlers, já com carreira feita, Randy orton e outro, CM Punk, que é um excelente wrestler, um dos melhores actualmente, mas que não lhe dão o devido valor. Sobre o resultado, já nem sei quem é o wrestler mais irritante John Cena ou Randy Orton. John Cena tem a fama de super homem, mas Randy Orton é que ganha sempre e sempre da mesma maneira, leva, leva e leva e no final do nada vem um RKO e ganha, resumindo Randy Orton é o Seya (Cavaleiros do Zodíaco) da WWE.

 

 

Jerry Lawler vs Michael Cole:

Não foi um combate mau, nem foi bom, na verdade mal foi um combate, mas teve vários momentos bons, como Stone Cold Steve Austin e Booker T, além de alguns momentos cómicos entre os dois comentaristas. A parte que a Wrestlemania dedicou essa “luta” foi gigantesca, e acho que isso foi o ponto negativo, ainda para mais quando podiam ter arranjado espaço para a luta de Sheamus vs Brian Danyelson.

 

 

Undertaker vs Triple H:

Dum lado The Undertaker, com a sua strike de 18-0, ou seja Undertaker nunca perdeu na wrestlemania, do outro lado estava Triple H, que diz já ter ganho tudo e que agora só lhe faltava quebrar a strike de Undertaker, que diga-se de passagem é o único título que nenhum wrestler vai chegar a ter. Dito isto a vitória foi para Undertaker, num combate em que Undertaker deu tudo de si, apesar de se arrastar por tudo o que é canto e depois de vários finishers. Houve um em particular que todo o mundo que assistia se perguntou se realmente não era ali que Undertaker perderia, foi quando Triple H aplicou um Tombstone Pilidrive, o finisher de Undertaker, mas no final Undertaker se salva mais uma vez, como só ele consegue na Wrestlemania. Triple H desesperado é apanhado pelo Hell’s Gate, a submission de Undertaker, no qual acaba por perder o combate.

 

No final do combate Undertaker, o vencedor, sai praticamente morto, claro tudo a fingir, apesar de não acreditar que tenha sido de lá muito, com a idade que já tem. Undertaker teve de sair de maca, porque já não se conseguia levantar e do lado Triple H, completamente cansado, desesperado, mas de pé a pensar como é que é possível ele ter perdido para aquele farrapo que nem se consegue levantar. Com tudo isto o mais provável é Undertaker agora só voltar lá para Janeiro do próximo ano, quando marcará o combate na wrestlemania para ter a sua strike aumentada para 20-0 e terminar a sua carreira. Undertaker conseguiu fazer 3 combates seguidos na wrestlemania de tirar o folgo, 2 contra Shawn Michaels, sendo o segundo deles o melhor combate de Undertaker de sempre e o deste ano contra Triple H.

 

 

Snooki, Trish Status e John Morrison vs LaylCool, Vicky Guerrero e Dolph Ziggler:

Sinceramente colocar este combate como o segundo combate é uma tristeza, está certo que tem a participação de uma celebridade, Snooki, do reality Show Jersey Shore, mas mesmo assim, com combates com Edge vs Alberto del Rio, Randy orton vs CM Punk e principalmente Undertaker vs Triple H foi uma desilusão. De qualquer das formas foi um combate rápido e até que a Snooki se saiu bem, e com 4 divas bem dotadas, o pior do combate foi Dolph Ziggler e John Morrison nem sequer lutarem, uma pena dois óptimos wrestlers nem poderem participar de uma luta de verdade. O resultado é óbvio, não? A equipa da Snooki ganhou.

 

 

The Miz vs John Cena:

Mais um main event para John Cena e mais uma desgraça, para começar tem o John Cena que irrita qualquer um, até mesmo o publico assobiou mais o John Cena que o The Miz e o John Cena é como se fosse o personagem principal e o The Miz o vilão. A verdade é que John Cena já está a fartar os seus fãs e The Miz ainda precisa de muito para ser um hell, para poder chegar perto do nível de Edge, Vicky Guerrero (a campeã dos assobios), Michael Cole, Randy Orton entre outros. O combate foi fraco, como a maioria dos combates que envolvem o John Cena, mas The Miz até que foi razoável, no final acabou de uma maneira sem sentido algum, The Miz ganha por count out, ou seja por estarem fora do ring, quem é que ganha um main event assim? Mas depois aparece The Rock e recomeça o combate, mas The Miz mais uma vez sai vencedor, depois de The Rock atacar Cena. Uma treta de combate, com resultado ainda pior, mas também quais as alternativas, John Cena ganhar novamente ou o pior campeão que já ganhou uma wrestlemania a manter o título.

 

 

Para concluir a Wrestlemania:

Wrestlemania fraca, muito fraca, que só se salvou pelos combates de Undertaker vs Triple H, Rey Misterio vs Cody Rhodes e Randy Orton vs CM Punk, além de alguns bons momentos no Jerry Lawler e Michael Cole e no combate da Snooki.

 

 

Aposentadoria de Edge:

Sobre a notícia é acerca de Edge, Edge veio anunciar a sua aposentadoria, é uma triste notícia para qualquer fã de wrestling, principalmente para os fãs de Edge, no qual estou incluindo. A princípio todos ficaram em dúvida, já que podia ser apenas mais uma história da WWE, mas depois Edge voltaria recuperado, mas parece que é mesmo sério. Edge anunciou a aposentadoria na ultima raw, onde teve direito a um tempo, onde ele poderia dizer o que quisesse sem script, ou seja totalmente de imprevisto. Depois disso teve as despedidas no túnel, com todos os wrestlers que estavam presentes no show.

 

Edge era a cara da smackdown, o segundo show da WWE, ele, Undertaker e Rey Misterio eram os que mais deram pela SmackDown, mas principalmente Edge nos últimos tempos, e agora Edge aposentou-se, Undertaker praticamente está de férias até à próxima Wrestlemania e Rey misterio é o que se sabe os seus problemas com o joelho, além de que nunca chegaria a ser um wrestler capaz de levar um programa sozinho. Além disso Edge é um dos wrestler que mais vezes ganharam os títulos mais importantes da WWE e ainda tinha muito a dar, agora não deve de demorar muito para Edge ingressar para o Hall of Fame da WWE.

 

Sobre o seu combate contra Alberto del Rio, dito isso acho que dá para perceber o porque do resultado não ter sido a vitória de Alberto del Rio, como foi dito várias vezes ao longo do PPV, Edge nunca tinha ganho um combate pelo título na Wrestlemania. A WWE já sabendo da aposentadoria de Edge teve de lhe dar o título, por tudo o que Edge já deu à companhia. Agora o título está vago e os dois que vão lutar pelo título serão Alberto del Rio e o seu amigo Christian. E com isto lá se vai o meu sonho de ver um rematch de Edge e Undertaker na Wrestlemania.

 

publicado por Dark-Fenix às 23:51
Domingo , 03 de Abril DE 2011

Wrestlemania

 

É esta noite a Wrestlemania, o maior ppv da wwe e do wrestling. É o momento porque todos os fãs de wrestling esperam, ppv que já tem 27 anos e que já criou lendas, como também as destruiu, a Wrestlemania tem dois grandes nomes, Undertaker, o 18-0, nunca perdeu e Shawn Michaels conhecido por mister Wrestlemania.

 

Este ano, na minha opinião, o card está bem fraco, principalmente para o title da WWE, que vai colocar frente a frente John Cena e The Miz, mas por outro lado vai-se ter combates de lendas, Triple H vs Undertaker, o main event da noite, Edge vs Alberto del Rio, o combate entre Jeery Lawler e Michael Cole e o combate com participação especial de Snooki, a participante do realty Show Jersey Shore, o programa mais visto da televisão a Cabo Norte Americana.

 

 

De qualquer das formas fica ai o card desta Wrestlemania:

WWE Champion The Miz vs. John Cena

The Undertaker vs. Triple H (No Holds Barred Match)

World Heavyweight Champion Edge vs. Alberto Del Rio

Jerry Lawler vs. Michael Cole with special referee "Stone Cold" Steve Austin

John Morrison, Trish Stratus & Snooki vs. Dolph Ziggler & Lay-Cool

Randy Orton vs. CM Punk

Eight-Man Tag Team Match (The Core vs Big Show, Kane, Santino e Kozlov)

United States Champion Sheamus vs. Daniel Bryan

Rey Mysterio vs. Cody Rhodes

 

 

A Wrestlemania terá a participação especial de The Rock, Stone Cold Steve Austin e Shawn Michaels entre os nomes que me lembro agora por alto. Além disso terá a parte habitual onde são apresentados os novos hall of famers da WWE e ai teram mais algumas ex estrelas do wrestling. Este ano também não terá o combate inicial habitual, o The Money in the Bank, que actualmente foi passado para um ppv com o mesmo nome.

 

Minhas apostas:

John Cena Ganha

Undertaker ganha

Alberto del Rio ganha (este não estou totalmente convencido)

Jerry Lawler ganha

John Morrison, Trish Status e Snooki ganham

Randy Orton ganha

Não sei, mas provavelmente os The Core.

Daniel Bryan ganha (não estou totalmente convencido)

Rey Misterio ganha

 

 

Para o final, apenas uma curiosidade, os wrestler que mais tempo estiveram no ringue, durante todas as Wrestlemanias:

1. Shawn Michaels: mais de 371 minutos em 17 combates
2. Undertaker: mais de 263 minutos em 18 combates
3. Triple H: mais de 248 minutos em 14 combates
4. Bret Hart: mais de 187 minutos em 12 combates
5. Hulk Hogan: mais de 171 minutos em 12 combates
6. Edge: mais de 148 minutos em 9 combates
7. Rock: mais de 147 minutos em 8 combates
8. Chris Jericho: mais de 129 minutos em 10 combates
9. Steve Austin: mais de 125 minutos em 7 combates
10. Randy Savage: mais de 120 minutos em 11 combates
Do top 25 fazem parte Kurt Angle, Matt Hardy, Kane, John Cena, Big Show, Randy Orton, Christian, Mick Foley, Chris Benoit, Ric Flair, Shelton Benjamin, Jeff Hardy, Owen Hart, Ted DiBiase e Jake Roberts.

 

Shawn Michaels bem com grande margem para o seus adversários, explicado o motivo de ser conhecido por Mister Wrestlemania. Undertaker logo de seguida e Edge bem classificado.

 

Tags: ,
publicado por Dark-Fenix às 13:06
Sábado , 05 de Fevereiro DE 2011

Royal Rumble

http://www.wrestlingsuperstars.info/wp-content/uploads/2010/12/WWE-Royal-Rumble-2011.jpg

 

Finalmente tive tempo para poder escrever uma análise sobre o Royal Rumble. O blog actualmente está mais virado para animes e mangas, já que tem sido o tema que mais tenho tomado atenção nos últimos tempos, mas hoje estou aqui para falar de Wrestling. Há 6 meses, mais ou menos, que não via wrestling, mas os 3 meses de Janeiro a Março, não podia perder, é a altura em que começa a Road to Wrestlemania, que começa no Royal Rumble e termina na Wrestlemania, maior evento anual de Wrestling que acontece todos os anos no final de Março, inicio de Abril.

 

https://1.bp.blogspot.com/_VBe4wSNTJPc/TTQf-hFQeYI/AAAAAAAABNg/5CDldJshuUc/s1600/WWE-Royal-Rumble-Results-2011.jpg

 

Nesses 3 meses existem 3 PPV’s, Royal Rumble, Eliminator Chamber e Wrestlemania, que na minha opinião são os 3 melhores da WWE, a maior empresa de Wrestling do mundo. No Royal Rumble, o qual vou fazer a análise, tem como tema principal um combate que coloca 30 wrestlers no ringue, com entradas de 2 em 2 minutos e o último que sobrar ganha direito a enfrentar o campeão na Wrestlemania. O Eliminator Chamber tem como principal destaque duas Eliminator Chamber, no qual em cada um dos combates são colocados 6 wrestlers numa jaula, o vencedor tem uma oportunidade pelo título na Wrestlemania ou se o campeão for um dos 6 participantes, quem vencer o combate ganha o título e por consequência irá defender o título na Wrestlemania. Já a Wrestlemania é o PPV que reúne os melhores wrestlers do ano na mesma noite.

 

http://www.wrestlingsuperstars.info/wp-content/uploads/2011/01/WWE-Championship-Match-Royal-Rumble-2011.jpg

 

Mas voltando ao Royal Rumble, primeiro os combates menos importantes, se considerarmos menos importantes os combates que têm os títulos em jogo. O primeiro combate do Royal Rumble 2011 foi pelo título mundial, que pertence a Edge e que iria enfrentar Dolf Ziggler. Edge defendeu o título como era óbvio, o mesmo aconteceu no combate seguinte era mais um combate pelo título, este pelo título da WWE, que pertence ao The Miz e que iria enfrentar Randy Orten, The Miz defendeu, raramente o título muda antes da Wrestlemania. O terceiro e último combate antes do Royal Rumble, foi pelo título das Divas, ou seja uma luta de mulheres, diga-se de passagem combates de divas são mais para ver as próprias divas do que propriamente apreciar bons combates, de qualquer forma o título teve uma nova campeã, Eve, que ganhou sobre as suas 3 adversárias, Natalya, Michelle e Layla.

 

http://wwespin.com/userfiles/2011/1/31/images/Royal%20Rumble%202011%20Results%20Eve%20Torres%20wins%20WWE%20Divas%20Championship.jpg

 

Agora realmente o combate que interessa e realmente o combate que queria ver, já que para quem não vê wrestling há 6 meses, não foi pelos combates individuais que volta a ver, a não ser que fosse um Undertaker vs Shawn Michelles. Dias antes do PPV, fui à procura de algum site de wrestling onde pudesse me actualizar e poder ver o PPV em directo, foi assim que encontrei o Wrestling Noticias. Foi assim que fiquei a saber quem era os campeões actuais, apesar de que isso foi mais por ter ido ao site oficial da WWE, fiquei a saber quem era os participantes do Royal Rumble, quem seriam as surpresas e fiquei a saber sobre alguns novos wrestlers, como o Alberto del Rio e sobre as storylines, as histórias para fazer um wrestler lutar contra outro, e a parte que mais me interessou o Royal Rumble deste ano teria 40 participantes, em vez dos habituais 30.

 

Nesse momento fiquei surpreendido pelo facto de ao contrário dos anos anteriores não haver um vencedor quase certo, ao contrário de anos anteriores. As apostas estavam em Triple H, que acabou por não aparecer, já que ainda não recuperou da lesão, John Cena, como sempre, CM Punk pelo que tinha vindo a fazer e Alberto del Rio, na altura a minha maior surpresa, como alguém que estreou nos últimos 6 meses pode ser sequer considerado para vencer uma Royal Rumble. Sim, porque para entrar para a galeria dos vencedores do Royal Rumble só grandes wrestlers e mesmo esses nem todos ganharam. Mas nos últimos anos, The Rock, Stone Cold, Triple H, Brock Lesnar, Chris Benoir, Bastista, Rey Mistério, Undertaker, John Cena, Randy Orton e Edge. Com tantos nomes de peso difícil escolher o próximo vencedor sem repetir quem já ganhou, ser injusto ou escolher alguém que no futuro poderá envergonhar a WWE.

 

 

Depois de gastar tantos parágrafos, que comece o Royal Rumble. O primeiro a entrar foi CM Punk, já no ano anterior foi um dos primeiros a entrar e foi quem levou a primeira parte do Royal Rumble às costas e este ano voltaria a fazer o mesmo. O segundo wrestler foi Bryan Danielson, pouco conhecido na WWE, mas muito conhecido no mundo do Wrestling, sendo conhecido por ser o melhor wrestler do mundo, mas antes da entrada de Bryan Danielson, ainda teve tempo para a disputa entre as duas equipas mais faladas nos últimos tempos na WWE, os Nexus e os The Core, ainda CM Punk estava a fazer a sua entrada e os The Core entram no ringue e começam a bater no CM Punk, pouco tempo depois chegariam os Nexus para ajudar o seu chefe, CM Punk. No final voltam todos para os bastidores e o Royal Rumble começa.

 

CM Punk e Bryan Danielson vão se mantendo enquanto os wrestlers que participam no Royal Rumble só para fazerem número e serem eliminados sem fazer grande coisa, são eliminados. Mas quando John Morison entra acontece uma das coisas que mais gosto quando vejo um Royal Rumble ou até mesmo uma luta, high flyers, os wrestlers que fazem piruetas, o maior entre eles é o Rey Mistério, que sempre dá espectáculo e num Royal Rumble é dos mais complicados de eliminar, não por ser difícil mandar por cima da corda, mas sim fazer com que toque no chão. Mas desta vez foi o John Morison, ele já tinha passado por cima das cordas e estava a tentar voltar ao ringue, quando o empurram, isso em 99%, antes de ver isso diria 100%, quer dizer ele é eliminado, mas Morrison consegue saltar para a barreira entre o publico e a arena, de lá anda em cima da barreira e salta para as escadas e voltando a entrar no ringue, como se nada tivesse acontecido.

 

Em 9º entra o primeiro dos Nexus, sem contar com o CM Punk, com isto estava-se a ver o que aconteceria, CM punk e o outro dos Nexus, que sinceramente nem me interessa em tentar memorizar, fazem uma parceria, enquanto esperam pelos outros dos Nexus. O combate continua. Em 13º mais um dos Nexus e cada vez mais um combate com apenas um futuro, nessa altura, começavam os pensamentos, será que CM Punk vai realmente sobreviver aos 39 wrestlers e ganhar o Rumble? Tudo encaminha para isso.

 

Depois de 15 participantes os Nexus já tinham 4 membros no ringue e conseguiram eliminar todos os outros wrestlers ficando os 4 no ringue sozinhos, fazendo aquelas piadas de ficarem todos ali à espera para a entrada dos próximos participantes. Depois disso durante algum tempo entram wrestlers e saem antes do próximo entrar, deixando novamente os 4 sozinhos no ringue. Nesse tempo dos Nexus no poder, a primeira surpresa do PPV, Booker T, um wrestler que já tinha sido da WWE e que depois foi para a TNA, a maior rival da WWE, e agora voltou novamente para a WWE.

 

http://wrestlinformativo.files.wordpress.com/2011/02/hornswoggle.png?w=359&h=388

 

A seguir ao Booker T, John Cena, que claro tinha de ser ele a acabar com aquela brincadeira dos Nexus. Um após o outros, até só sobrar ele e o CM Punk, agora tinham praticamente acabado todas as possibilidades de CM Punk ganhar o Royal Rumble, mas uma coisa ninguém lhe retiraria, foi ele que salvou a primeira metade do Royal Rumble. Logo de seguida Hornswoggle, o anão e um dos favoritos do público. John Cena acaba por eliminar CM Punk e se acabaram as possibilidades, assim apenas sobram John Cena e Horswoggle, que fazem uma parceria, que fez o momento mais cómico do Royal Rumble, isso e o momento final, mas isso fica para o fim, muitos não gostaram, mas eu simplesmente adorei, apesar de não gostar nada do John Cena, tudo o que meta o Hornwoggle é sempre no mínimo cómico. Três grandes momentos, foram ele aplicando o golpe final do Cena no Tyson Kid, mais um daqueles que entram para serem logo eliminados, outros foi ele dando uma de high flyer no mesmo Tyson Kid e por fim, enquanto só sobravam novamente ele e o Cena, ele se meter nas cordas, deitado e a bocejar de tanto esperar, enquanto fazia sinal para o relógio.

 

Depois entra Kofi Kingston, que fica por breves momentos a encarar o Cena, acaba tudo por não dar em nada e mantêm-se no ringue até á entrada do Jack Swagger, no qual o Horswoggle faz uma parceria com o Kofi contra o Jack, Cena está deitado no chão. Mais um momento cómico do Hornswoggle, a imitar o Batista. De seguida entra Sheamus e como heel, ou seja vilão, sem dó nem piedade elimina Horswoggle. A seguir entra o maior high flyer da WWE, Rey Misterio. Depois entram Wade Barret, líder dos Core e Dolph Ziggler, o que faz mais uma nova surpresa, já que em nenhum outro Rumble tinham participado os participantes dos outros combates, de qualquer forma isso queria dizer que pelo menos era de esperar que Randy Orten venha a participar também, já os campeões ficava a dúvida se iriam participar ou não.

 

Mais uma surpresa Diesel, sinceramente é um wrestler que tinha ouvido pouco, afinal já não é propriamente desta geração. O 34º a entrar foi Alex Riley, o aprendiz do campeão da WWE, The Miz, The Miz vem junto dele e se junta aos comentadores, será que ainda iria fazer alguma surpresa no combate. Ezekiel Zackson, membro dos Core entra e elimina logo o Big Show, assim já estavam dois membros dos Core no ringue, Ezekiel e Wade Barret. Nesse tempo praticamente ninguém era eliminado estava uma confusão no ringue, com vários wrestlers.

 

http://cdn.bleacherreport.net/images_root/slides/photos/000/680/079/santino2_display_image.jpg?1296448007

 

O 37º participante é Santino Marella, a maior comédia da WWE e que tem o recorde de menor tempo no ringue do Royal Rumble, apenas 1 segundo. Marella é atacado pelo Sheamus e sai do ringue, mas por baixo das cordas, o que cheguei a pensar será que foi eliminado, afinal para ser eliminado precisa passar por cima das cordas. Mas depois voltei ao combate e acabei por esquecer disso. Em 38º Alberto del Rio, a entrar no seu carro, a sua storyline é de mexicano rico e sempre entra num super carro. Mas leva tanto tempo para entrar, a maioria do tempo a discutir com Misterio do qual tem uma pequena feud, rivalidade. Com tanto tempo até entrar no ringue, o próximo wrestler já chega, Randy Orten, ao ir para o ringue ataca Alberto del Rio e leva-o para o ringue onde lhe aplica um RKO, o seu ataque final. Afinal Orten tinha mesmo entrado no Royal Rumble e com tão poucos participantes para preencher as vagas estava certo que os campeões não iriam participar. No ringue, Orton elimina Kofi e Sheamus.

 

Kane foi o último a entrar, no momento só restavam no ringue Kane, Cena, Orten, Misterio, Barret, Alberto del Rio e Ezekiel. Minha opinião, Ezekiel não tinha qualquer hipótese, Alberto del Rio e Wade Barret ainda era cedo para ganharem, Kane achava complicado, já que ele é como Big Show nunca ganham, sendo assim sobravam os que já tinham um Royal Rumble, Orton, Cena e Misterio, sinceramente a minha aposta era Misterio, por ser dos 3 o que não ganhava à mais tempo. O que acertei, Ezekiel foi logo eliminado, Kane também e falhei no Rey Misterio.

Nessa altura sobravam apenas Cena, Orton, Barret e Alberto del Rio, sinceramente cada vez mais começava a apostar em Barret ou Alberto del Rio, mas se não fosse um deles pelo menos que não fosse o Cena, ou seja sobrava o Orton. Os 4 combatem no ringue sem muitas presas, até que do nada aparece Alex Riley e ataca Cena, Cena manda-o embora, mas por de trás aparece The Miz, que lhe elimina, as minhas preces foram ouvidas, Cena eliminado, a esta altura qualquer um já estava satisfeito.

 

Alberto del Rio e Barret unem, inteligentemente, contra Orton. Mas mesmo assim Orton leva a melhor sobre os dois. Orton elimina Barret e Albert del Rio aproveita o facto de Orton estar perto das cordas para o eliminar. Alberto del Rio já estava a celebrar, mas o Rumble ainda não tinha terminado, Santino Marella ainda não tinha sido eliminado, com a sua estupidez toda ataca Alberto del Rio manda-o ao chão e faz uma dança estúpida, mas Alberto del Rio levanta-se e elimina-o. Agora sim Alberto del Rio pode festejar e pensar na sua luta na Wrestlemania.

 

Fim do combate e do PPV, na minha opinião, um grande PPV e uma grande surpresa a vitória de Alberto del Rio. Agora é esperar pelo PPV Eliminator Chamber e pela Wrestlemania, para ver o que Alberto del Rio vai fazer, ele já fez história por ganhar o maior Rumble da história e por em menos de 6 meses ter se tornado um dos wrestlers mais emblemáticos da actual WWE, será que se tornará o campeão com menor tempo de wrestler. Uma coisa é certa, quem ganha o Rumble torna-se campeão, a maioria deles na Wrestlemania.

 

http://wrestlingzonebr.files.wordpress.com/2011/02/alberto-del-rio.jpg?w=464&h=296

 

Para concluir:

Durantes os próximos tempos é provável que coloque mais noticias sobre wrestling no blog.

Para quem quiser ver o Royal Rumble: Wrestling Noticias

Tags: ,
publicado por Dark-Fenix às 23:03
Domingo , 31 de Outubro DE 2010

Aniversário de Edge

Edge, hoje está completando 37 Anos! Feliz Aniversário e boa sorte no Survivor Series contra Kane.

 

publicado por Dark-Fenix às 08:44
Segunda-feira , 27 de Setembro DE 2010

PPV Hell in a Cell

Lutas Marcadas até ao momento:

Hell In A Cell Match (WWE Championship): Randy Orton © vs. Sheamus

Singles Match: John Cena vs. Wade Barrett*

*Se John Cena for derrotado, se juntará à Nexus, e se Wade Barrett for derrotado, o grupo (The Nexus) será desfeito

World Heavyweight - Hell in a Cell Match
Kane (C) vs The Undertaker

 

Fonte: WWE Rulez

Tags: ,
publicado por Dark-Fenix às 10:46
Terça-feira , 21 de Setembro DE 2010

Night Of Champions 2010

 

 

 

Dolph Ziggler (c) derrotou Kofi Kingston Singles match pelo WWE Intercontinental Championship

Big Show derrotou CM Punk Singles match

Daniel Bryan derrotou The Miz (c) por submissão numa Singles match pelo WWE United States Championship

Michelle McCool (Women's) derrotou Melina (Divas) Title Unification Lumberjack match para unificar o WWE Divas Championship e o WWE Women's
Championship


Kane (c) derrotou The Undertaker numa No Holds Barred match pelo World Heavyweight Championship

"Dashing" Cody Rhodes & Drew McIntyre derrotaram The Hart Dynasty (David Hart Smith e Tyson Kidd) (c), The Usos (Jimmy e Jey Uso), Santino Marella & Vladimir Koslov e Mark Henry & Evan Bourne numa Tag team Turmoil match pelo WWE Tag Team Championship

Randy Orton derrotou Sheamus (c), Wade Barrett, Chris Jericho ,John Cena e Edge numa Six Pack Elimination match pelo WWE Championship

Tags: ,
publicado por Dark-Fenix às 15:32

mais sobre mim

pesquisar

 

Dezembro 2013

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

últ. comentários

  • Karigurashi No Arrietty.
  • O Dark conheceu a vida na faculdade, o League of L...
  • Você escreve bem.Uma pergunta, de qual animação ja...
  • ALL FREE ANIME FOR YOU at http://www.anime4you.com...
  • Também estão disponíveis à venda nas lojas FNAC, B...
  • A Devir começou a traduzir mangás em português. Es...
  • Tb acho que o telefonema de walt a skyler não tem ...
  • Aceitas parceria? Já adicionei o teu banner. O lin...
  • Bom dia,vi que seu site oferece arquivos para baix...
  • Me pergunto se o Dark passa alguma vez por aqui ne...

mais comentados

Tags