Death Note: Polícia prende “Kiras” na Bélgica

http://animealways.hd1.com.br/IMAGENS/IMAGENS%20EPI_OVAS_FILMES/Death_Note/Death_Note_Ryuk.jpg

Em setembro de 2007, na Bélgica (Europa Ocidental), ocorreu um assassinato curioso que até a última semana ainda não havia sido desvendado. O corpo de um homem foi encontrado em um parque em Bruxelas, com várias mutilações e partes do corpo amputadas, contendo um pedaço de papel escrito “Eu sou Kira“. Este é mais um caso envolvendo o anime Death Note, um dos animes mais polémicos de sempre, se for se considerar fama e polémica no mesmo prato diria que é o mais polémico de sempre.

 

A vítima morava na cidade com mais outros quatro homens, estes, por sua vez, sendo os principais suspeitos do assassinato. No último dia 24, os homens foram presos por justa causa, porém, a polícia não divulgou quais foram os argumentos que levaram à certeza de que eles eram realmente os assassinos. Segundo um site japonês, os indivíduos já haviam sido presos anteriormente, mas sendo soltos mais tarde, e agora que o caso voltou a ser investigado, voltaram novamente à cadeia. Os quatro culpados eram, de fato, fãs de Death Note, o que certamente contribuiu para a solução do crime.

 

Acho que todos os que já viram Death Note pensaram em quanto assistiam se Kira tinha razão ou não. Eu pessoalmente estava do lado do Kira, pelo menos antes de ele se tornar tão obsessivo com a história de matar, que no final já matava inocentes. Mas esse caso, não é um simples caso de escrever o nome num caderno, mas sim que uma pessoa morreu mesmo e isso só suja o nome do anime/manga.

publicado por Dark-Fenix às 17:28