Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dark-Fenix

Dark-Fenix

21
Abr12

Opinião Semanal #21&22: Fairy Tail e Harisugawa

Dark-Fenix

 

Com muitos capítulos para comentar, decidi fazer diferente do que vinha fazendo, até porque para a semana não há mangas da Jump e com isso me deixa o espaço de uma semana para deixar o post em dia, até o próximo Domingo vão sair todos os comentários acerca dos 15 mangas, hoje começo por Fairy Tail e Harisugawa, na maioria dos dias serão 2 mangas que irei comentar, mas há pelo menos 1 dia que será 3 e alguns dias irei comentar apenas sobre um manga.

 

15ºFairy Tail 277-280:

 

 

Sem dúvida alguma Fairy Tail é o manga que mais me surpreende a cada capítulo, a cada capítulo o mangaka cria cada coisa mais inesperada, é incrível de onde consegue vir tanta ideia ridícula.

 

Quando vou ler um capítulo de Fairy Tail já vou logo com um pé atrás, mas sempre tento ver o capítulo pelo lado positivo, afinal já gostei de Fairy Tail e estava naquele grupo de pessoas que acreditavam que o manga podia realmente se tornar num enorme sucesso, apesar de também ter os pés no chão e nunca ter dito que um dia superaria Naruto e One Piece ou até mesmo Bleach, como muitos já diziam há 2 anos atrás, de qualquer maneira em poucas páginas o autor mostra que Fairy Tail já não é mais o mesmo.

 

 

E ainda antes de passar a comentar sobre os capítulos, mais uma comparação, que me lembrei enquanto lia o capítulo desta semana, os Jogos Olímpicos e o Campeonato Europeu de Futebol estão a chegar, eventos que só acontecem de 4 em 4 anos, apesar de acontecerem praticamente na mesma altura, porque são tão diferentes? Principalmente se pensar-se, qual o desporto mais famoso no mundo? Resposta simples Futebol, mas porque nos Jogos Olímpicos, evento para premiar os mais diferentes desportos do mundo, não tem o Futebol como um dos seus principais destaques? Também simples, porque os Jogos Olímpicos existem para premiar todos os mais diversos tipos de desportos e não apenas um em particular.

 

Isto para dizer, o que o Mashima está a fazer é como se tivesse criado os Jogos Olímpicos, mas em vez de focar no salto em altura, na corrida de 100 metros ou na natação, dá 10 minutos para esses desportos todos, deixando como a principal atracção o Futebol. Ou seja, os jogos que deveriam interessar têm metade de um capítulo, enquanto as batalhas que na sua maioria são tudo a mesma coisa ou momentos deprimentes, tem no mínimo um capítulo para cada batalha, ou seja 4 capítulos para batalhas, 1 para os jogos. Ou seja, o Mashima em vez de se inspirar nos Jogos Olimpicos para criar este arco, deveria ter-se inspirado nas Arenas de Gladiadores.

 

Agora sim sobre os capítulos, tenho em atraso 4 capítulos, que abrangem as 4 batalhas do segundo round. Primeiro, Raven Tail vs Lamia Scale, o capítulo até estava interessante, dentro dos possíveis, mas o Mashima não estava satisfeito, teve de criar um personagem que o seu maior segredo é não conseguir encontrar uma meia, que está presa ao colar que tem à volta do pescoço, como se isso já não fosse ridículo que chegue, o personagem da Raven Tail, ainda se acha muito mau ao rasgar a meia dele, sim porque isso é o pior que um vilão pode fazer.

 

 

O capítulo 278 tem 29 páginas, mas mais valia ter apenas as normais 20, porque as 9 adicionais só serviu para escrever a mesma história, mas com mais 9 páginas. A Fairy Tail até ao momento já tinha usado o Gray, a Lucy e o Natsu, que só conseguiram 2 pontos, num momento bem forçado do Natsu, principalmente por tudo o que significou. Então qual a maneira mais coerente de fazer a Fairy Tail finalmente ganhar pontos? Se pensaram, usar o Elfman para combater o personagem mais hypado dos últimos capítulos, então acertaram, numa luta mais forçada que as lutas de final de saga.

 

Mais uma vez um capítulo com quase 30 páginas e que também só serviu para o Mashima criar ainda mais páginas de fanservice da Mirajane e a outra personagem da Blue Pegasus, depois de várias poses de todo o tamanho e feitio e a promessa de quem perdesse iria pousar nua para a Weekly Sorcerer, Mirajane saí vencedora, mas os maiores vencedores serão quem comprar a revista, num fanservice claramente desnecessário, que só mostra ao ponto que Fairy Tail chegou.

 

 

Para quem achava que a batalha do Elfman contra o outro da Quatro Cerberus tinha sido o máximo que o Mashima seria capaz de fazer, enganou-se e mais uma vez o Mashima mostra que é o mestre, conseguindo se superar a cada capítulo. Desde o primeiro capítulo, um dos grandes mistérios de Fairy Tail são os espíritos estrelares, e apesar de algumas falhas, sempre foram bem valorizados, mas em apenas um capítulo o Mashima deita tudo por água abaixo. Cria uma personagem que tem 2 espíritos estrelares, exagera criando um 13º e joga tudo no lixo, fazendo uma maga que nunca apareceu na história ganhar do nada a uma maga com dois espíritos estrelares e o 13º que deveria ser o mais forte de todos.

 

Para concluir, Raven Tail está completamente isolada na liderança, mas como o Mashima é, não ficaria surpreso se no próximo round não ganhasse nenhum ponto, igual a Sabertooth neste segundo round. Normalmente estaria a favor do torneio levasse o máximo de tempo possível, mas neste momento, só espero que não demore muito até alguém interromper tudo isto, porque se não o Mashima mostra todos os seus dotes.

 

 

14ºHarisugawa 29 (Final):

 

Harisugawa já terminou faz algum tempo, mas só agora vou comentar sobre o último capítulo, que levou tempo para as scanlators editarem. Com toda a demora, quando fui ler o capítulo já sabia tudo o que iria acontecer, por isso, e pelo tempo que já passou, não faz muito sentido estar aqui a criticar o manga, e nem detestei o capítulo na altura que o li.

 

O capítulo em si é fraco, cheio de fanservice e sem qualquer objectivo de ser bom, resumindo, um OVA, só que em manga, ou noutras palavras apenas um especial, sem qualquer ligação à obra original. O autor nem mentiu o manga acabou realmente no capítulo 28, mas esperava-se mais um capítulo adicional para fechar completamente a obra, e o que se recebeu foi isso.

 

 

Já que ainda estou à espera do capítulo final de Enigma, Harisugawa é o primeiro manga que comento o seu capítulo final nesta coluna do blog, engraçado que não será o último esta semana, com a grande diferença entre Bakuman e Harisugawa, que comentei todos os capítulos de Harisugawa no blog.

 

Para concluir, Harisugawa foi um dos melhores, ou até mesmo o melhor, mangas publicados na Jump nos últimos 2 anos, não teve muita sorte na Jump, mas pelo menos fechou a história sem ter parecido que foi cancelado.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub