Soul Eater Not!

 

Estreou este mês o novo manga de Soul Eater, intitulado, Soul Eater Not!. O manga está a ser serializado na revista Shounen Gagan, a mesma de Soul Eater e do já concluído Full Metal Alchemist, o manga é feito pelo próprio autor de Soul Eater e apesar de ser na mesma escola, com os mesmo personagens, os dois mangas seguiram por caminhos diferentes.

 

O novo manga explica melhor os passos iniciais para entrar na escola e se tornar um death Scyther, tudo começa com Tsugumi Halbero, a personagem principal do novo manga, ela está a subir uma escadaria que supostamente leva a Death City, onde ela irá entrar na escola. A escadaria é bem grande e ela já se está a ver com dificiculdades para chegar ao topo e nessa altura do nada aparece Maka, que lhe dá apoio para continuar, dizendo que está quase.

 

Mesmo morrendo de cansaço ela chega ao fim e fica espantada com Death City, com isto o autor mostra outra perspectiva de Death City que ainda não tinha mostrado na história original. Ela vai logo em direcção da escola, afinal por causa da escadaria já estava ligeiramente atrasada. Na escola os leitores se deparam com mais um personagem bem conhecido Black Star, que para variar está a armar confusão.

 

Ela meio que se perde na escola, mas no final consegue achar o local onde os outros novatos estão. Apesar de ter chegado atrasada. O professor responsável pelos novatos é Sid, que é a partir dele que se consegue perceber, mais ou menos, em que altura a história de Soul Eater Not! Se encaixa na história original, Sid ainda está vivo, em vez da forma de zumbi que está no manga original. Ou seja Soul Eater Not! Se passa antes da história de Soul Eater, fiquei curioso para saber sobre como eram os personagens principais nessa altura, que nunca ficou muito bem explicado no manga.

 

Os novatos precisam de encontrar os seus parceiros e isso leva a uma pequena luta entre os novatos, dois rapazes estão a chatear uma rapariga tímida, para que ela se torne parceira de um dos dois. A personagem principal a principio deixa passar, fazendo de conta que não é nada com ela, mas no final volta atrás para a salvar, mas os outros não deixam e é ai que aparece uma terceira rapariga, que se junta à personagem principal para os derrotar.

 

Mas a personagem principal ainda não se consegue transformar numa arma. De lembrar que dos outros dois, quem se transforma em arma, não consegue transformar a cabeça, o que fica algo bem estranho. Sid, que segundo ele aquilo é normal na escola, na maioria dos casos, digo eu, por causa do Black Star, mete lenha na fogueira e explica que ela tem que confiar em si para se transformar.

 

Tudo corre bem, elas vencem e no final, a rapariga tímida pergunta se ela se quer tornar na sua arma, ou qual ela olha para a terceira rapariga e aquilo fica naquele trio. Se fosse ao contrário, haver duas armas e um usuário diria que ficariam as três, mas assim fica a dúvida de quem será a sua parceira.

 

http://www.japoneitor.com/wp-content/uploads/2008/10/souleater.jpg

 

Para finalizar, gostei da história, mas ainda mantenho o que pensei quando li essa notícia da estreia de um novo manga, há algum tempo atrás. Se o autor quer ter mais trabalho, porque não fazer capítulos de 80 páginas por mês em vez de dois mangas diferentes? Seria na minha opinião mais vantajoso se ele andasse mais depressa com a história, claro que sempre à possibilidade da Shounen Gagan não querer, para não terminar muito rápido e já que perderam Full Metal Alchemist, perder também Soul Eater seria afundar completamente, sobraria como único título de peso Black Butler.

 

O que esperar deste novo manga? Como é feito pelo próprio autor de Soul Eater, não tenho muito o que me preocupar, é só seguir o exemplo do original e conseguirá fazer algo no mínimo agradável de ler. Pode ser que o autor consiga jogar com as duas histórias falar sobre assuntos nesse manga que possa ser usado no original, há muito por onde usar o facto de ter dois mangas diferentes no mesmo Universo.

publicado por Dark-Fenix às 15:26